Dicas para quem vai a Santiago do Chile pela primeira vez

Cordilheira dos Andes Chile

Vai ao Chile pela primeira vez e não sabe o que incluir no roteiro? Aposte na capital Santiago com suas várias facetas, de cultura ao ski, passando por vinhedos, que seguramente irá atender além de suas expectativas. Uma metrópole cosmopolita que guarda muitos segredos em seus museus, parques, ruas históricas, prédios modernos, excelentes hotéis tendo como cenário de fundo os Andes.

Quem me acompanha nas redes sociais sabe que estive em Santiago no final de julho em uma viagem surpresa. Isso mesmo, eu viajei sem saber o destino e fui parar no Chile, está tudo documentado nos destaques do meu Instagram @loveandtravel_ . Passa lá para conferir e saiba mais sobre viagens surpresas.

Já estive algumas vezes em Santiago  e posso dizer que conheço bem  a capital chilena e nesse artigo apontarei as principais dicas e lugares  para que sua viagem seja incrível!!!

Sobre o Chile

O país mais longo e estreito do mundo se estende entre a Cordilheira dos Andes e o Oceano Pacífico. Além de compartilhar fronteiras com Argentina, Peru e Bolívia, o Chile também tem território na Polinésia e na Antártica, transformando-se em uma nação tricontinental.

Sobre Santiago

Santiago foi fundada a mais de quatro séculos pelo conquistador espanhol Pedro de Valdivia. No entanto, sua história remonta aos tempos em que pequenas comunidades indígenas escolheram este vale fértil como local de habitação. Ao longo dos séculos, a cidade teve que se reinventar de novo e de novo, se recuperar de terremotos; resistir aos caprichos do rio Mapocho; e experimentar inúmeras transformações urbanas e humanas. 

O ar europeu da cidade se explica pela influência recebida no século XIX, em que os arquitetos da época tinham o desejo de construir edifícios inspirados em tendências vindas de renomados arquitetos estrangeiros. 

A revista National Geographic classificou a cidade em 12º lugar entre 21 destinos não tradicionais para visitar. De acordo com a publicação, seus atrativos centros de esqui, somados a bairros charmosos e arte de rua, fazem de Santiago uma visita obrigatória.

Cercada pela Cordilheira dos Andes, além da própria cidade que tem atrações para todos os gostos, seus arredores são repletos de destinos interessantes, todos muito próximos, como vinícolas premiadas e estações de esqui. No verão, a proximidade com cidades litorâneas como Valparaíso e Viña del Mar atrai turistas amantes do clima mais quente. No inverno, os centros de esqui comandam o turismo. Para os amantes de vinho, o ideal é visitar a região no outono.



Faça uma cotação de viagens na Agência parceira Previllege Soluções em Viagens.


Como Chegar a Santiago

Porta de entrada do Chile, há voos direto do Brasil saindo de São Paulo e Rio de Janeiro pelas cias aéreas Latam e  Gol. A Aerolineas Argentinas também opera Santiago, todavia com conexão em Buenos Aires.

Regularmente há promoções de passagens aéreas para Santiago e os valores são bem interessantes. Costumo acompanhar as promoções pelo site Melhores Destinos ou Passagens Imperdíveis. Outra forma de achar voos baratos é pelo site da Maxmilhas, o qual foi utilizado para a compra da minha viagem (confissões do comprador surpresa).

Dica importantíssima: escolher o assento do avião nessa viagem nunca foi tão importante e o motivo, claro, é a Cordilheira dos Andes. Se seu voo for diurno,  na ida sente na janela do lado esquerdo (olhando para o bico do avião) e na volta sente do lado direito.

Imigração e Visto

Para entrar no Chile, é necessário apresentação de cédula de identidade (com menos de 10 anos) ou passaporte. E dependendo do seu país de origem, o visto carimbado. Brasileiros não precisam de visto para entra no Chile. ATENÇÃO: CNH e carteira funcional (OAB) não tem validade para entrar no país.

Os cidadãos da América do Sul, União Européia, Estados Unidos, Canadá e Austrália não necessitam do visto como turista. Não obstante, alguns países devem pagar uma taxa em dinheiro (imposto de reciprocidade) ao chegar ao aeroporto do Chile. Para mais informações acesse o site oficial.

IMPORTANTE: Ao entrar no Chile, o viajante receberá  do agente da PDI (Policia de Investigaciones de Chile) uma autorização de permanência (Tarjeta Unica Migratoria), impressa num pequeno papel. Esse documento deve ser muito bem guardado pois terá que ser apresentado na saída do país, mas ninguém explica isso na hora, então #ficaadica.
PDI (Policia de Investigaciones de Chile)


Do Aeroporto para a Cidade de Santiago

Há diversas opções de transporte do Aeroporto Comodoro Arturo Merino Benítez ao centro de Santiago, como por exemplo: táxi, transfer, vans particulares, uber, ônibus e carro alugado, mas a melhor maneira será a que você prefere, logicamente, de acordo com a sua comodidade. 

A minha escolha foi o Transfer por empresas autorizadas pelo aeroporto que não há necessidade de agendamento prévio. Os valores variam de acordo com o bairro, o tipo de transfer (compartilhado, privativo) e em alguns casos a quantidade de pessoas. Utilizei a Transvip na modalidade privativo. A corrida até o Bairro Las Condes custa em média $ 25.000 pesos chilenos. No site oficial você consegue fazer uma estimativa de valores.

Se quiser saber mais sobre os meios de transporte do Aeroporto a cidade, confira a matéria do pessoal do Like Chile.


Moeda

Alguns países geram dúvidas em relação a qual moeda levar. No Chile a moeda oficial é o peso chileno e o câmbio pode ser feito nas casas de câmbios oficiais do centro da cidade (no aeroporto é sempre mais caro). Grande parte dos comércios estabelecidos permitem pagar com cartões bancários internacionais, o que implica em cobrança de IOF.

Embora no Chile alguns comércios aceitem dólares ou euros, é conveniente que realize câmbio a pesos chilenos, desta forma a diferença na conversão será menor. Calcule a conversão de sua moeda a pesos aqui.

Por exemplo no dia que escrevi essa matéria USD 1,00 equivalia a CLP 664,50  | USD 1,00 equivalia a R$ 3,76 | R$ 1,00 equivalia a CLP 171,20, ou seja, praticamente a mesma coisa. SE tiver dolar trocado, pode levar, mas se for trocar no Brasil, para depois trocar no Chile, aconselho levar real.

Conexão/Internet em vários países

Nas minhas viagens preciso ficar conectada para mostrar tudo aos leitores em tempo real, além de usar google maps, waze, etc. Ou seja, preciso de uma boa conexão em tempo integral. Mas como faço isso???

Segredo revelado: O chip que sempre utilizo é o da Easysim4U que tem internet ILIMITADA e funciona em mais de 140 países.

Então, se quer sair do Brasil com um chip com internet ILIMITADA, acesse o link aqui  —> Easysim4U  e compre logo o seu chip. E o melhor, se colocar o código RBBVGRATIS ao finalizar o pedido o frete é grátis!!!! O que está esperando??? 


Quer ficar Conectado durante a sua viagem? Os Chips da EasySim4U tem cobertura em 140 países. Adquira já o seu!



Eu costumo dizer que todas as cidade merecem ser visitadas no mínimo duas vezes, em estações diferentes, é claro.  As quatro estações são bem definidas, então a melhor época depende do que quer fazer na cidade e arredores. O verão de Santiago tem temperaturas agradáveis, a noite é bem fresca e as árvores verdinhas e as flores coloridas deixam a cidade mais leve e animada.

No inverno é ideal para quem quer ver neve e  sentir aquele clima europeu há poucas horas de voo do Brasil.

O clima tanto no inverno quanto no verão é bem seco, por isso a hidratação é muito importante. Beba muita água e abuse dos cremes hidratantes e protetores labiais.

Seguro Viagem

Infelizmente estamos sujeitos à emergências médicas em qualquer lugar do mundo e a contratação de um plano de seguro viagens é primordial para evitar transtornos e gastos desnecessários. Inclusive, para quem for praticar esqui no Chile é altamente recomendado, seja pelo risco de acidentes ou por conta da altitude.

No Site temos dois parceiros que podem te ajudar na escolha do melhor seguro para sua viagem. Trabalhamos com a Mondial Travel assegurada pela Allianz e com a comparadora das melhores seguradoras do mercado, a Real seguros.

Eu nunca viajo sem seguro de saúde internacional e faço o meu pela REAL Seguros ou MONDIAL TravelApós a compra online, a apólice chega por email em minutos.

Se preferir, poderá solicitar uma cotação pela nossa agência Previllege Soluções em Viagens, pois trabalhamos com outros parceiros. Basta enviar um email para: contato@previllege.com.br com a data da viagem.


 Faça seu seguro viagens com desconto nos parceiros do blog: Mondial Travel ou Real Seguros.


Informações úteis:

Vacinas: Não há obrigatoriedade de nenhuma vacina para entrar no Chile.
Medicamentos: Leve sempre um kit com os principais remédios, tais como analgésicos, antitérmicos, antigripal, pois é muito difícil conseguir comprar algum medicamento sem receita médica.
Idioma: Espanhol
Fuso: 1h a menos que o horário de Brasília (verifique o horário de verão)
Moeda: Peso Chileno (CLP). O dólar é aceito em alguns lugares.
Todos os cartões de crédito são aceitos : Visa, Mastercard, American Express. 
Voltagem e Tomadas: A rede elétrica chilena é de 220 volts, na frequência de 50 hertz, com tomadas de dois pinos cilíndricos. Mas sempre é bom levar adaptador universal.
Emergências: 134 chamadas de emergência da policia
                      132 centro de alarme de incêndio
                      131 Ambulância, chamada de emergência
Embaixada do Brasil: (+56) 2 2876 3400


O que fazer em Santiago

Confira abaixo uma lista de atrações imperdíveis pela cidade e seus arredores

1) Centro Histórico
O Centro Histórico de Santiago é repleto de praças e museus, contemplado por uma arquitetura que mescla tradição e modernidade. Na tradicional Plaza das Armas encontra-se a Catedral Metropolitana, o Museu Histórico Nacional e o Museu de Arte Pré-colombiano. Um passeio imperdível é a Troca da Guarda no Palácio La Moneda, que acontece de dois em dois dias. Para mais informações acesse o site oficial: Palacio de la Moneda

O Mercado Central, localizado a poucos quarteirões do Palacio de La Moneda e próximo a Plaza de Armas, é conhecido pelos restaurantes e pela famosa Cetolla (um caranguejo gigante de águas frias). Não deixe de provar.

Percorrer essa região a pé é um colírio e cada ruazinha é uma descoberta: charmosas cafeterias, lojas e feirinhas de artesanato adornam o caminho até os museus e praças.  O Bairro Paris-Londres, que na verdade é um entroncamento entre duas ruas, tem um charme europeu e ótima opção de hospedagem.

2) Cerros

O Cerro Santa Lucia, foi o lugar onde Pedro de Valdívia fundou oficialmente a cidade em 1541. Há ruínas e um Castelo, com mirante e jardins. Um parque elevado com 69m de altura no meio da cidade.Entrada gratuita.

Uma das vista mais lindas da cidade é a do Cerro San Cristobal,  principal mirante da cidade localizado a poucos kilometros do centro e chega a 880 metros de altura. O Parque Metropolitano, que faz parte do Cerro, é uma área pública muito popular entre turistas e locais. O acesse pode ser pelo funicular ou teleférico que está ativo a apenas dois meses depois de anos parado.  No Cerro encontra-se, também, o Santuário da Imaculada Conceição,  um templo da Igreja Católica ao ar livre. Para mais informações acesse o site oficial: Parque Matropolitano

A dica é subir o Cerro pelo Funicular, uma especie de trenzinho pucado por cabo de aço e descer pelo Teleférico. este ingresso combinado custa CLP 4.240 os finais de semana e feriados e CLP 3.410 de segunda a sexta. (Valores em Julho/2018)

3) La Chascona – Uma das casas de Pablo Neruda
Não dá para ir ao Chile e não conhecer uma das casas do poeta Pablo Neruda. É como deixar um pouquinho da história do país para trás. Ganhador do Prêmio Nobel de Literatura, Neruda deixou como patrimônio a seu país três casas-museus, com lindos objetos e poesias que, juntos, narram um pouquinho de sua história. A casa foi construída em formato de navio e tem visitas guiadas em espanhol e inglês. A Casa está localizada aos pés do Cerro San Cristóbal, no bairro Bellavista.

4) Sky Costanera

Sky Costanera Santiago
Contemple a vista completa da cidade no mais alto mirante da América Latina, a 300 metros de altura. O mirante encontra-se no 61º andar do edifício e com certeza a melhor experiência é  em um final de tarde de dia claro, quando o sol poente ilumina a Cordilheira do Andes. Fica pertinho da entrada/saída do teleférico do Cerro San Cristobal. A entrada da atração é pelo shopping Costanera Center e custa CLP 15.000.



5) Emporio La Rosa
Não vá embora de Santiago em provar o melhor sorvete de doce de leite da cidade. Há diversos espalhados pela cidade. Sabores e misturas inovadores tão especiais quanto o chocolate com pimenta ou pétalas de rosa os tornaram uma das 25 melhores sorveterias do mundo.  O empório não é apenas uma sorveteria, e sim uma cafeteria com um cardápio bem variado. Para mais informações, acesse o site oficial Emporio La Rosa

6) Vinícolas
É fato! O vinho chileno está entre os mais apreciados do mundo. Aproveite sua ida a Santiago e dê uma esticadinha até as vinícolas mais próximas da capital para contemplar belas paisagens, conhecer o processo de produção e degustar bons rótulos.  Entre as vinícolas mais próximas a Santiago, possíveis de se realizar em um passeio bate e volta, destacam-se:  Concha Y Toro, Cousino Macul e Santa Carolina.

Vinícola Concha y Toro,  localizada a quase 30km de Santiago, pode-se chegar de metro e a partir da última estação pegar um táxi até a bodega. Há visitas em português, espanhol e inglês.

7) Estações de Esqui
Santiago é contemplada por ter nada menos do que a Cordilheira dos Andes como seu pano de fundo, já que, geograficamente, a cidade fica localizada aos pés da cadeia de montanhas. Durante o inverno, a cordilheira fica coberta de neve e as estações de esqui repletas de turistas e esportistas que desejam se aventurar nas pistas.

São quatro: Farellones, El Colorado, La Parva e Valle Nevado. Geralmente o hotel oferece passeios as montanhas que incluem transporte, aluguel de roupas e equipamentos, aulas e ingressos para as estações.

O complexo do Valle Nevado é fantástico e moderno, sendo uma das maiores áreas de esqui da América do Sul. Existem três opções de hotéis: Hotel Valle Nevado, o mais luxuoso e exclusivo;  Hotel Puerta Del Sol e Hotel Tres Puntas; além de apartamentos no condomínio para locação.

Tendo sua base situada a 3.000 metros de altitude, no inverno, os turistas têm à disposição a maior estrutura de neve do Chile, com capacidade para hospedar mais de 800 pessoas, 44 pistas de todos os níveis, 15 teleféricos, 6 restaurantes, 6 bares, 8 condomínios de apartamentos, spa, fitness center, piscina aquecida, escola de esqui para adultos e crianças.

No verão o complexo oferece a suas visitantes atividades ligadas aos esportes de aventura, como trekking, mountain bike, cavalgada, além do passeio de teleférico e observação de condores, as aves típicas dos Andes.

Farellones, um dos centros de esqui mais antigos da América foi fundado na década de 30. Com casinhas rústicas e mais simples, um vilarejo charmoso com várias opções de hospedagens.  Mas atenção, como Farellones é a mais baixa das estações, a partir de Agosto as pista podem estar fechadas. Nesse caso, você poderá esquiar em outros centros de Esqui que são próximos. 

El Colorado é uma ótima opção e possui uma infra-estrutura melhor do que Farellones, com mais opções de hospedagens, restaurantes, pub, lojas para locação de equipamentos e escolas de esqui. 

La Parva, localizada um pouco acima possui boas pistas e apartamentos para aluguel, além de serviços de locação de equipamentos, restaurantes, escolas de esqui. 

Em qualquer estação do ano há passeios para a região das montanhas e a dica é: para quem nunca esquiou, fazer aula é primordial. O frio é intenso e você precisa estar preparado com roupas adequadas. Para esquiar pode-se alugar tudo (roupas e equipamentos).

Onde se Hospedar em Santiago

Santiago é uma cidade que oferece uma vasta variedade de acomodações e em diversas regiões. Tudo vai depender do gosto do turista.

Antes de explicar um pouco dos bairros para hospedagem, é importante salientar sobre o pagamento aos hotéis. Os turistas estrangeiros tem isenção do IVA (imposto chileno) ao realizar o pagamento em dólares ou cartão de crédito internacional no check out, gerando uma economia de 19% sobre o valor da diária. Por isso é muito importante a apresentação da Tarjeta Migratória entregue pelo agente da PDI juntamento com seu passaporte no check in. Lembre-se que esse imposto só será eventualmente cobrado diretamente pelo hotel no momento do check-out, se já foi efetuado o pagamento no Brasil, não houve a incidência do IVA.

Hospedagem por bairros

Centro com certeza é o lugar perto de tudo e das principais atrações turísticas da cidade, é uma opção mais barata e com muitas facilidades, todavia o agito e movimentação da cidade é bem grande e a estadia pode não ser tão confortável e relaxante. RESERVE AQUI

Providência é um bairro situado entre o Centro e Las Condes e uma excelente opção de hospedagem também próxima aos centros turísticos. É residencial, comercial, centro financeiro e onde se concentra os bares e restaurantes mais badalados da cidade. RESERVE AQUI

Bellavista é um dos bairros mais representativos e pitorescos da cidade e destaca entre outros bairros por sua famosa vida boêmia. Em comparação com o centro é um bairro mais arborizado, confortável de caminhar pelas ruas e não tão tumultuado. RESERVE AQUI

Lastarria um misto de cultura e gastronomia, bem pertinho do centro, mas sem a multidão.  Traz a genuinidade de seu passado histórico nos edifícios do século 19 preservados que remetem à Belle Époque e artistas de rua completam o ambiente com ares europeu. Hotéis Boutique , lojas, adegas, restaurantes, bares e outros. RESERVE AQUI

Las Condes é o bairro mais requintado, todavia um pouco afastado. Residencial de alto nível, completamente diferente dos outros bairros. Bem tranquilo, arborizado, com ruas largas e calmas, casas amplas com jardins e muitas praças, todavia com alguns centros comerciais modernos.  Conhecido também como Sanhattan. Os hotéis 5 estrelas  e mais luxuosos da cidade geralmente estão localizados neste  bairro. RESERVE AQUI

Como eu sempre digo, hospedagem é muito particular e como disse um taxista muito gente boa que conhecemos: "No centro é onde fica a maioria, é o lugar mais barato. Em Providencia é o lugar mais badalado e em Las Condes é onde os ricos se divertem".

Gostaria de compartilhar com vocês que sempre faço minhas reservar pelo Booking ou Hotéis.com pois oferecem cancelamento gratuito e tem as melhores tarifas.


Faça sua reserva no BOOKING ou HOTÉIS.COM e garanta o melhor preço.



Onde comer em Santiago

Nas outras vezes que fui a Santiago achei a cidade relativamente barata comparada ao Brasil, mas com a desvalorização de nossa moeda, os preços de Santiago estão equiparados a cidade de São Paulo. 

Como Água para Chocolate: Localizado ao lado do famoso Patio Bellavista, um lugar aconchegante, acolhedor, rústico e sensual. Ótimo para jantar a dois. Os pratos são elaborados e o atendimento excelente.

Bar e Restaurante Liguria Manuel Mont: Há 3 restaurantes Linguria em Santiago o Manuel Mont, o Pedro de Valdivia, e o Luiz Thayer Ojeda, todos localizados no bairro Providencia. Conheci apenas o Linguria Manuel Mont.

Patio Bellavista (diversos restaurantes): No Patio há diversos restaurantes, difícil é escolher um. Provamos o Montana Steakhouse & Bar que tem pratos muito bem servidos e ótimo custo benefício.
O Patio é um lugar voltado para a cultura e gastronomia. Lá você encontrará lojinhas de souvenirs, artesanato e muito mais.

Madam Tusan Santiago
Madam Tusan: Este é mais um dos restaurantes do renomado chef Gastón Acurio, que em geral se destacam no campo da gastronomia peruana, no entanto, outro elemento foi trazido para as preparações: a cozinha asiática com sabores destacados agridoce e picante. Uma representação genuína de El Chifa, um termo peruano para restaurantes chineses modificados para o gosto peruano. Há duas unidades em Santiago, um no shopping center Parque Arauco e um no shopping Costanera Center.

Route 66: Uma viagem gastronômica que foge um pouco do nome, que vai desde os famosos hambúrgueres americanos, a receitas árabes, mexicanas, peruanas e tailandesas, ou seja você precisará traçar essa rota diversas vezes. E no quesito bebidas, diversas cervejas, coquetéis e carta de vinhos diversificada. Enfim, tanto faz se é fim de tarde, uma agradável noite ou almoço entre amigos, o atendimento e cardápio variado será um convite para voltar.

Boca Nariz Wine Bar: é um "ponto de encontro" para turistas e moradores locais que adoram vinho. Atendido por seus proprietários e uma equipe treinada de sommeliers, o ambiente é acolhedor e casual, onde a magia de uma antiga casa restaurada se completa com tecnologia necessária para oferecer um excelente serviço. Um restaurante inovador, onde a gastronomia foi projetada para melhorar o casamento com uma extensa seleção de vinhos. O interessante fica para o menu degustação de 4 taças.


Roupas de frio
Levar, alugar ou comprar no Chile?

Atualmente, com a desvalorização de nossa moeda, não vale mais a pena comprar roupas no Chile, exceção a  regra são as promoções imperdíveis. E se sua viagem é curta, chegar no destino e ficar procurando roupa pode ser um transtorno total. Todavia se for procurar roupas mais específicas e tiver tempo, pode ser uma ótima opção. Eu comprei um casaco na Rússia com excelente custo-benefício e aguenta temperaturas extremas que dificilmente acharia no Brasil.

Para quem tem objetivo de esquiar por um dia, o aluguel de casaco e calça impermeáveis (terceira camada) é o mais indicado, lembrando que as outras camadas não são alugadas. Assessórios, como luvas, óculos e gorro também podem ser alugados, bem como todos os equipamentos de esqui. Agora se pretende investir na profissão e fazer várias viagens de neve, o ideal é comprar roupas apropriadas de esqui ao invés de alugar toda vez.


Como se vestir no inverno
Como se vestir no inverno

Esse é um assunto que costumo falar no Stories do Instagram e já fiz um post bem detalhado de como se vestir no invernoNa cidade não há necessidade de 03 camadas, até porque Santiago não é tão fria. Um casacão e roupas confortáveis por baixo te deixarão quentinho, mas não se esqueça das extremidades.

Para passeios na neve vista-se em camadas: segunda pele, flecee e casaco impermeável, calça segunda pele e calça impermeável, botas de neve e assessórios.

Minhas roupas de inverno, as camadas de baixo, são compradas todas na Decathlon e casacos tenho de várias marcas. Também tenho luvas e meias térmicas da Decathlon


Eleito o destino número 1 no Best In Travel 2018 do guia de viagem Lonely Planet, o Chile é destino certo para quem procura um roteiro diversificado e Santiago é a porta de entrada para esse país fascinante.

Já esteve em SANTIAGO?
Deixe aqui o seu comentário ou dica do destino.



Gostou do artigo? Uma forma de retribuir é fazer reservas pelos parceiros do blog. Cada vez que uma reserva é feita nos links abaixo, você não paga nada a mais por isso e ajuda o blog a  se manter e gerar mais conteúdo.

VAI VIAJAR ??? RESERVE AQUI


Aproveite e organize sua viagem conosco. Se quiser economizar tempo, solicite um orçamento para: love.and.travel@hotmail.com


     Encontre seu Hotel nos melhores sites de busca: BookingHotéis.comExpediaTrivago.
     Compre suas passagens nas Cias Aéreas:   AviancaLatamKlmMaxMilhas
     Compare tarifas para alugar carro na: RentCars
     Evite aborrecimentos, faça um seguro viagem na: Mondial Travel ou Real Seguros.
     Fique conectado em suas viagens com os chip da EasySim4U
     Compre ingressos online no Ticketbar ou Weplann e esqueça das filas !!!
     Adquira moeda estrangeira na Cotação ou solicite um orçamento.