Como é viajar de S7

Queridos Viajantes,
Dear Travellers,

Welcome!!! To translate this page, click the button on the right side. 




Nossa viagem para Rússia foi comprada pela Cia Aérea S7, e o trecho GRU - Madri foi operado pela Ibéria.

Após uma conexão de 8 horas em Madrid, enfim embarcamos na Siberian Airlines (S7) rumo a Moscou, num voo de  6 horas de duração.



Muitos brasileiros aproveitaram a promoção anunciada no Melhores Destinos e todos que estavam no voo e conversamos compraram as passagens na promoção. Como eu disse no post da Ibéria, era imperdível.


Voo operado por Airbus A319 com configuração 3/3.

Uma aeronave que lembra da gol, com capacidade para 128 lugares. Velocidade de deu Cruzeiro 845km/h.

Sentamos separados e por acaso meu namorado sentou ao lado de uma simpática moça chamada Maria com um bebezinho lindo. Ela era de Madrid, mas mora em Moscou há dois anos e deu muitas dicas da cidade.



Refeições a bordo:

Foi servido jantar com opção de frango ou carne. Infelizmente escolhi frango e não consegui comer. Era muito gorduroso. Depois fiquei sabendo pela Maria que na Rússia a melhor opção sempre é carne. O Frango não é bom.

Dica: se você gosta de tomar bebida (suco, água) junto com o jantar,  reserva-a quando for servida, pois diferentemente de qualquer cia aérea que já viajei, a S7 oferece a bebida e depois passa recolhendo os copos, só depois é servido o jantar. E por último, café e chá. Ou seja, durante a refeição não é oferecido bebida.

A aterrizarmos em Moscou, as 21h a uma temperatura de -5 graus celsius, não havia finger. Choque térmico logo na chegada. Bem vindos a Rússia!

Todavia como me informei sobre praticamente tudo do país, já sabia disso, pois a Jackeline do blog Viajesim, que esteve na Rússia em Dezembro e também aproveitou a promoção anunciada pelo Melhores Destinos já havia me alertado.

Então, me equipei de casaco, cachecol e protetor de orelha para sair do avião. Assim como todos os Russos a bordo. Já os brasileiros, não sabiam desse detalhe e passaram um pouquinho de frio.

Chegando no desembarque, a entrada no país foi tranquila, já que brasileiros não precisam de visto.

Outra vantagem é que a S7 é uma Cia Aérea Parceira da One World, ou seja, pode-se pontuar na TAM.

Quer saber mais sobre a Rússia, então acesse os links abaixo e descubra mais dicas.




Ajude o blog a se manter. Não se esqueça de fazer sua reserva pela caixa de pesquisa do blog ou clicando no link abaixo. Você não paga nada a mais por isso.





* Já conhece nossas redes sociais? Acesse os link abaixo para saber as novidades.





Se curtiu, compartilhe com os amigos! 


Bisous, 



Tha Moura



Atualmente: Consultora de viagens por profissão, advogada por formação, eterna viajante por vocação. Amante de vinhos, restaurantes e cultura, sem deixar de lado a paixão por moda e design.

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada pela visita e se quiser deixe um comentário.



Back to top