Vinícolas do Alentejo em Portugal: Cartuxa

Queridos Viajantes,
Dear Travellers,

Welcome!!! To translate this page, click the button on the right side. 



Continuando os post sobre a viagem por Portugal no verão.

* Para os novos leitores, informo que fiz uma viagem de 20 dias por Portugal, pelas cidades de Lisboa, Peniche, Porto, Setúbal, Évora, conhecendo diversas outras cidades. No final deste post colocarei os links dos post já publicados.

No décimo segundo dia de viagem, estávamos explorando a região do Alentejo e nada mais apropriado que fazer degustação de vinho.


Adega Cartuxa enoturismo


A região do Alentejo é uma das principais produtoras de vinho do país. As características distintas dos solos de acordo com a área, a grande exposição solar, o clima seco e quente e um conjunto de castas selecionadas permite uma produção de qualidade e um reconhecimento como um dos melhores vinhos de Portugal.


Em vista disso, resolvemos fazer uma prova em uma das vinícolas mais conhecidas do Alentejo: A Cartuxa.





Faça uma cotação de viagens na Agência parceira Previllege Soluções em Viagens.



História e Fundação

A marca Cartuxa é um dos principais ativos da Fundação Eugénio de Almeida, que é uma instituição privada de utilidade pública criada em 1963 e sediada em Évora, cuja finalidade é o bem comum, a cultura, a educação, visando o desenvolvimento da cidade. Seu fundador Vasco Maria Eugênio de Almeida,  colocou a sua fortuna ao serviço das pessoas de Évora e da sua região.

A área de vinha da Fundação Eugênio de Almeida é composta pelas vinhas das herdades de Pinheiros, Casito, Álamo da Horta e da Quinta de Valbom.  Dentro os rótulos da Cartuxa podemos citar Vinea, EA, Foral de Évora, Cartuxa, Scala Coeli e o famoso Pêra-Manca, bem como os azeites Álamos, EA e Cartuxa.


pera manca cartuxa

A Adega da Cartuxa, localizada na Quinta de Valbom está intimamente ligada à Companhia de Jesus, fundada por Santo Inácio de Loiola em 1540, que adquiriu a quinta de Valbom para a construção da Casa de Repouso dos Jesuítas.


Adega Cartuxa enoturismo


Com a expulsão da Companhia de Jesus do país,  a sua edificação passou a integrar os bens do Estado, tendo alguns anos mais tarde sido equipada com um lagar de vinho que rapidamente ganhou importância na região.  A proximidade do Mosteiro da Cartuxa, erigido em meados do séc. XVI, determinou a designação por que ficou conhecida até aos dias de hoje a Adega Cartuxa .

Em 1869 o bisavô do instituidor, José Maria Eugénio de Almeida, adquiriu a Quinta.  Porém foi da iniciativa do avô do fundador da instituição a plantação dos vinhedos que constituíram a origem mais remota dos vinhos da Fundação.  Com a expansão e sucesso progressivos da produção vitivinícola da Instituição, a Adega da Cartuxa, instalada no antigo refeitório da Casa de Repouso dos jesuítas foi sendo alvo de melhoramentos.

Hoje, a Adega Cartuxa,   situada na Herdade de Pinheiros, permite receber a totalidade da uva produzida nas vinhas da Fundação.  Da linha de engarrafamento totalmente automatizada instalada na Adega Cartuxa saem anualmente cerca de quatro milhões de garrafas, distribuídas por vinho branco, rosé e tinto.



Quer saber a opinião de outros viajantes sobre hotéis e serviços?  Acesse o TRIPADVISOR faça sua pesquisa e descubra.



A Visita

As visitas acontecem na Quinta de Valbom,  localizada a 2km do centro de Évora Quem visita o Enoturismo Cartuxa tem a oportunidade de usufruir da envolvência única da Quinta de Valbom, da sua história, e de visitar o edifício onde a Adega Cartuxa foi fundada. As visitas são guiadas e terminam com uma prova de vinhos e azeites. Têm a duração aproximada de 1:30h.


Adega Cartuxa enoturismo

Adega Cartuxa enoturismo

Logo ao chegarmos na Adega, fomos atenciosamente recepcionados e nosso tour privativo, antecipadamente marcado, começou.

Inicialmente conhecemos a sala onde funcionava o antigo refeitório dos Jesuítas e hoje é armazenado, em barricas de carvalho francês, castas que comporão algumas das marcas da Cartuxa. As castas (uvas) são armazenadas separadamente e os barris são diversos tamanhos.


Adega Cartuxa enoturismo

Adega Cartuxa enoturismo


Curiosidade: Hoje em dia a Adega na Quinta de Valbom armazena os vinhos de topo da marca, que estagiam em grandes tonéis ou barricas de carvalho. Toda a produção migrou para a Herdade de Pinheiros, bem maior e mais moderna.

Seguimos adiante pela sala onde eram produzidos os vinhos em tonéis de cimento e ânforas, que foram substituídos por técnicas mais modernas.


Adega Cartuxa enoturismo

Após conhecermos essas instalações fomos levados a uma sala para apresentação de um vídeo contando a história da marca e da Fundação Eugênio de Almeida. No vídeo é mostrado toda a produção moderna na Herdade de Pinheiros e as técnicas de colheita. Tudo muito detalhado e interessantíssimo.

Adega Cartuxa enoturismo

Todo o percurso e visita é computadorizado e nenhuma porta se abre ou se fecha sem o click num tablet do nosso guia.


Adega Cartuxa enoturismo

Após todos as explicações sobre a Cartuxa fomos levados a uma sala especial onde estão guardados a sete chaves exemplares raríssimos que são abertos em ocasiões especiais.


Adega Cartuxa enoturismo

Adega Cartuxa enoturismo

Adega Cartuxa enoturismo

Adega Cartuxa enoturismo

A parte mais interessante da visita começa agora, com os teste sensoriais. Sentimos o aroma de cada casta e tentamos descobrir ao que nos remete: frutas, especiarias, etc..... Muito interessante.


Adega Cartuxa enoturismo

Adega Cartuxa enoturismo

Adega Cartuxa enoturismo

Adega Cartuxa enoturismo

Adega Cartuxa enoturismo

Depois de toda essa teoria, bem a prática: a Degustação, ou Prova como os portugueses falam.  Há vários tipos de provas e você deverá escolher antecipadamente qual fará.




 Faça seu seguro viagens com desconto nos parceiros do blog: Mondial Travel ou Real Seguros.





A Degustação (Prova)

Chegamos em uma sala muito linda e com uma mesa arrumada. Começamos com degustação de azeite, foram 3 tipos: Álamos, EA e Cartuxa, acompanhados de deliciosos pães e embutidos.


Adega Cartuxa enoturismo

Adega Cartuxa enoturismo


1) O azeite Álamos tem um sabor frutado de intensidade média, mesclado de azeitona verde e madura, com notas de maçã, tomate verde e frutos secos, ligeiramente verde herbáceo. É especialmente indicado para pratos de peixe fresco ou seco cozidos, como por exemplo bacalhau, mariscos cozidos, carnes assadas ou grelhadas, frituras, molhos e maioneses. 
Acidez - 0,3
Ficha Técnica: click aqui

2)  As características de cheiro e sabor do azeite virgem extra EA, permitem a sua utilização tanto a frio, em molhos, maioneses e saladas, como a quente, em cozinhados de peixe ou de carne, e, ainda, em doces e outras sobremesas. É, especialmente, indicado para carnes vermelhas grelhadas, estufados, assados, aves, caça, e legumes verdes.
Acidez - 0,4
Ficha Técnica: click aqui

3)  O Azeite Virgem Extra Cartuxa é um azeite de qualidade superior extraído, sobretudo, de azeitonas verdes. Azeite frutado e suave, ligeiramente amargo e picante, que pode ser utilizado em pratos cozidos de sabor delicado, como por exemplo, os de peixes brancos frescos e mariscos, saladas, massas, arroz, sobremesas e doçaria.
Acidez - 0,2
Ficha Técnica: click aqui


Adega Cartuxa enoturismo azeite

Qual meu preferido? O Cartuxa. Não sei porque mas sempre gosto do mais caro. :S




Faça sua reserva no BOOKING ou Hotéis.com e garanta o melhor preço.



Para prova de vinhos foram oferecidos 5 tipos: Cartuxa branco e o famoso Pêra-Manca branco,  EA Tinto, Cartuxa tinto e Cartuxa Reserva tinto.


Adega Cartuxa enoturismo


1) Cartuxa Branco:  Os vinhos brancos têm por base as castas Antão Vaz, Roupeiro e Arinto, apresentam um aroma fino e um certo corpo, são persistentes e harmoniosos.
Ficha Técnica: click aqui


Adega Cartuxa enoturismo

2) Pêra-Manca branco:  Pêra-Manca é a marca que a Fundação Eugênio de Almeida destina aos seus vinhos de excepção.
Os vinhos brancos têm por base as castas Antão Vaz e Arinto, apresentando uma cor citrina, um aroma frutado persistente, fino e complexo. Na boca, são macios, secos, complexos e equilibrados
Ficha Técnica: click aqui


Adega Cartuxa enoturismo

3) EA Tinto:  Tratam-se de vinhos do ano, com características próprias de vinhos jovens, fáceis de beber e para consumo imediato.
Ficha Técnica: click aqui


Adega Cartuxa enoturismo EA

4) Cartuxa Tinto:  Os vinhos tintos têm por base as castas mais comuns do Alentejo: Trincadeira, Aragonez, Alfrocheiro, Periquita, Moreto e Tinta Caiada. Com estágio em madeira de carvalho, são vinhos com boa estrutura, elegantes e que combinam os aromas das castas utilizadas a um sabor persistente e complexo.
Ficha Técnica: click aqui

Adega Cartuxa enoturismo

5) Cartuxa Reserva Tinto: O Cartuxa tinto Reserva resulta de uma criteriosa selecção de castas das parcelas de vinha de maior idade da Fundação Eugénio de Almeida.
Ficha Técnica: click aqui

Adega Cartuxa enoturismo



Adega Cartuxa enoturismo

Adega Cartuxa enoturismo

Tudo explicado com muita perfeição e detalhes pelo nosso guia. A visita vale muito a pena e é um dos passeios imperdíveis no Alentejo. Foi uma das melhores visitas a vinícola que já fiz. 

Adega Cartuxa enoturismo

Adega Cartuxa enoturismo

Adega Cartuxa enoturismo

Após uma aula teórica e prática ainda temos a oportunidade de comprar alguns exemplares na lojinha da Adega. E aproveite, pois algumas marcas estão esgotadas para vendas em outros lugares, como por exemplo o Pêra-Manca.


Adega Cartuxa enoturismo


Curiosidade: O que os brasileiros chamam de vinícola é adega para os portugueses e bodega para os argentinos.


Ficha Técnica:

Tipos de Degustação (provas)/ Visitas à Adega Cartuxa, tipos de prova e preços:

-EA – inclui visita à Adega e prova de 1 vinho selecionado pela Fundação Eugênio de Almeida. Preço: € 5.00 p/pessoa;
-Cartuxa – inclui visita à Adega e uma prova de 3 vinhos selecionados pela Fundação Eugênio de Almeida. Preço: € 10.00 p/pessoa;
-São Bruno – inclui visita à Adega e uma prova de 3 vinhos selecionados pelo cliente, de toda a gama da Fundação Eugênio de Almeida (exceto Pêra-Manca Tinto). Preço: € 20.00 p/pessoa;
-Sto. Inácio de Loyola – inclui visita à Adega e uma prova de 5 vinhos selecionados pelo cliente, de toda a gama da Fundação Eugênio de Almeida (exceto Pêra-Manca Tinto). Preço: € 30.00 p/pessoa.




Alugue um carro pela RentCars, o principal portal de comparação de preços para locação de veículos.


Informações Gerais:

Horário de funcionamento: todos os dias, das 10H00 às 19H00.
Os horários de visita: 10H30, 11H30, 15H00 e 16H30.
Sem marcação prévia e respetiva confirmação será sujeito à nossa disponibilidade.
Encerra dias: 24, 25 de Dezembro e 1, 2 de Janeiro.

NOTA: A escolha do tipo de prova/vinhos é por horário e não por pessoa, à exceção da prova EA que poderá acompanhar qualquer outra prova de vinhos. Limite máximo por cada horário de visita é de 40 pessoas.

Pode-se acrescentar acompanhamentos a qualquer tipo de prova, sendo estes compostos por enchidos, queijos, compotas da região, entre outros, por mais €5.00 por pessoa.

Idiomas de visita:
-Português
-Inglês 
-Espanhol 
-Francês

Para maiores informações sobre a Fundação Eugênio de Almeida: click aqui
Para maiores informações sobre a Adega Cartuxa:click aqui
Facebook: click aqui

Localização

Endereço Quinta de Valbom, Estrada da Soeira, 7005-003 Évora - Portugal
T (+351) 266 748 383  
E: enoturismo.cartuxa@fea.pt

      

* O Blog Love and Travel esteve na Adega Cartuxa com apoio do Enoturismo Cartuxa, o qual agradecemos a oportunidade, todavia informo que este post expressa minha sincera opinião sobre os serviços oferecidos.



Ajude o blog a se manter. Cada fez que uma reserva é feita nos links abaixo, você não paga nada a mais por isso e ajuda o blog a divulgar mais conteúdo gratuitamente.
  

RESERVE AQUI 

Aproveite e organize sua viagem com os parceiros do Blog e se quiser um Roteiro Personalizado envie um email para: love.and.travel@hotmail.com


* Já conhece nossas redes sociais? Acesse os link abaixo para saber as novidades.




Atualmente: Consultora de viagens por profissão, advogada por formação, eterna viajante por vocação. Amante de vinhos, restaurantes e cultura, sem deixar de lado a paixão por moda e design.

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada pela visita e se quiser deixe um comentário.



Back to top